A NATUREZA É O NOSSO FUTURO,
REFLORESTAMENTO IMPACTA A VIDA DE TODOS NÓS

© Yann Arthus-Bertrand

Descubra tudo.
Explore o Corredor de Biodiversidade do Araguaia e descubra como ele irá impactar a sua vida e a toda a humanidade.

Descubra tudo. Explore o Corredor de Biodiversidade do Araguaia e descubra como ele irá impactar a sua vida e a toda a humanidade.

O CORREDOR DO ARAGUAIA

ASSISTA A ANIMAÇÃO SOBRE O CORREDOR

RAZÕES PARA SE ENGAJAR

COMO ALCANÇAMOS OS NOSSOS OBJETIVOS

POR QUE PRECISAMOS DE VOCÊ

PERGUNTAS FREQUENTES

 
 

O CORREDOR DE BIODIVERSIDADE DO ARAGUAIA

O CORREDOR DE BIODIVERSIDADE DO ARAGUAIA

Corredores de biodiversidade, ou corredores de natureza, consistem em faixas de terra reflorestada que conectam “ilhas” isoladas de natureza virgem e intocada. O Corredor de Biodiversidade do Araguaia no centro do Brasil será o maior de todos os corredores de natureza do mundo e um dos maiores projetos de reflorestamento da América do Sul. As suas dimensões são impressionantes, com o comprimento total de 2600 quilômetros e largura de até 40 quilômetros, distribuídos ao longo das margens de todo o Rio Araguaia e de parte do Rio Tocantins. O Corredor conecta dois dos mais importantes ecossistemas do mundo: a floresta Amazônica e o Cerrado.

No caso do Cerrado, mais de 70% de seu habitat natural já foi desmatado para fins agrícolas. O Corredor conecta os restantes 30% de “bolsões de floresta nativa” uns com os outros. Ele salvará milhares de espécies e consolidará um esforço massivo de reflorestamento, convertendo terras agriculturáveis em florestas nativas da Amazônia e do Cerrado. Centenas de milhões de árvores originárias serão plantadas, criando um efeito positivo e permanente que marcará cada um de nós e todas as gerações futuras.

2600

KM DE EXTENSÃO

40

KM DE LARGURA

10.4

MILHÕES

HECTARES

Corredores de biodiversidade, ou corredores de natureza, consistem em faixas de áreas reflorestadas que se conectam a “ilhas” isoladas de natureza virgem e intocada. O Corredor de Biodiversidade do Araguaia no centro do Brasil será o maior corredor de natureza no mundo e um dos maiores projetos de reflorestamento da América do Sul. As suas dimensões são impressionantes: São 2600 km de comprimento e 40 km de largura distribuídos ao longo das margens de todo o Rio Araguaia e de parte do Rio Tocantins. O Corredor também conecta dois dos mais importantes ecossistemas do mundo: a floresta Amazônica e o Cerrado.

No caso do Cerrado, mais de 70% de seu habitat natural já foi desmatado para fins agrícolas.
O Corredor irá conectar os 30% de “bolsões de floresta nativa” que restam uns com os outros. Ele salvará milhares de espécies e consolidará um esforço massivo de reflorestamento, convertendo parte das terras agriculturáveis em florestas nativas da Amazônia e do Cerrado. Centenas de milhões de árvores nativas serão plantadas, criando um efeito positivo e permanente não só para toda população brasileira e a preservação de seus biomas, mas também para todo o mundo, marcando cada um de nós e todas as gerações futuras.

2600

KM DE EXTENSÃO

40

KM DE LARGURA

10.4

MILHÕES

HECTARES

O CORREDOR DO ARAGUAIA TEM O TAMANHO
PARA FAZER A DIFERENÇA

* NÚMEROS ESTIMADOS A PARTIR DO CONHECIMENTO DE PARCEIROS TÉCNICOS DA BJF NO BRASIL.

O CORREDOR DO ARAGUAIA TEM O TAMANHO
PARA FAZER A DIFERENÇA

* NÚMEROS ESTIMADOS A PARTIR DO CONHECIMENTO DE PARCEIROS TÉCNICOS DA BJF NO BRASIL.

1200

ÁRVORES A SEREM PLANTADAS
POR HECTARE

2

MILHÕES

HECTARES A SEREM
RESTAURADOS

2.4

BILHÕES

ÁRVORES DE ESPÉCIES NATIVAS
A SEREM PLANTADAS

50

ESPÉCIES DE ÁRVORES
POR HECTARE

5

MÉTODOS DE RESTAURAÇÃO

1200

ÁRVORES A SEREM PLANTADAS POR HECTARE

2

MILHÕES

HECTARES A SEREM RESTAURADOS

2.4

BILHÕES

ÁRVORES DE ESPÉCIES NATIVAS A SEREM PLANTADAS

50

DIFERENTES ESPÉCIES DE ÁRVORES POR HECTARE

5

MÉTODOS DE RESTAURAÇÃO

ASSISTA A
ANIMAÇÃO SOBRE O CORREDOR

ASSISTA A
ANIMAÇÃO SOBRE O CORREDOR

RAZÕES PARA SE ENGAJAR

ESSE CORREDOR TEM IMPACTO GLOBAL E AFETARÁ TODOS NÓS.
ESSE CORREDOR AFETARÁ TODOS NÓS

RAZÕES PARA SE ENGAJAR

ESSE CORREDOR TEM IMPACTO GLOBAL E AFETARÁ
TODOS NÓS

O AR PURO
QUE VOCÊ RESPIRA

20% do oxigênio do mundo é produzido na floresta Amazônica
e no Cerrado

A ÁGUA LIMPA
QUE VOCÊ BEBE

30% de toda a água doce do mundo é filtrada anualmente pela Amazônia e pelo Cerrado.

A MEDICINA MODERNA
QUE VOCÊ PRECISA

25% de todos os remédios modernos é derivado de plantas na Amazônia e no Cerrado.

O GRANDE
CICLO DAS CHUVAS

Os ciclos das chuvas no sudeste do Brasil dependem de árvores da Amazônia e do Cerrado. Sem florestas, sem chuvas e sem vida.

Como você pode ajudar a implementar o Corredor do Araguaia

Como você pode ajudar a implementar o Corredor do Araguaia

NAÇÕES UNIDAS

OBJETIVOS DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Ao plantar árvores nativas em larga escala para construir o Corredor de Biodiversidade do Araguaia, a Black Jaguar Foundation está contribuindo para todos os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidades, especial os seguintes 6:

NAÇÕES UNIDAS

OBJETIVOS DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Ao plantar árvores nativas em larga escala para construir o Corredor de Biodiversidade do Araguaia, a Black Jaguar Foundation está contribuindo para todos os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidades, especial os seguintes 6:

Como contribuímos para todos os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU

Como contribuímos para todos os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU

DECLARAÇÃO

“Em vez de reclamar do desmatamento ou de subir em árvores junto
aos abraçadores de árvores, eu acredito veementemente que nós podemos e
iremos contribuir de forma positiva e construtiva.”

BEN VALKS, FUNDADOR

DECLARAÇÃO

“Em vez de reclamar do desmatamento ou de subir em árvores junto aos abraçadores de árvores, eu acredito veementemente que nós podemos e iremos contribuir de forma positiva e construtiva.”

BEN VALKS, FUNDADOR

COMO ALCANÇAMOS NOSSOS OBJETIVOS

NÓS FOCAMOS EM TRÊS TAREFAS CRUCIAIS PARA CRIAR UM IMPACTO DURADOURO NO CORREDOR DO ARAGUAIA

COMO ALCANÇAMOS NOSSOS OBJETIVOS

NÓS FOCAMOS EM TRÊS TAREFAS CRUCIAIS PARA CRIAR UM IMPACTO DURADOURO NO CORREDOR DO ARAGUAIA

MAPEAMENTO DO CORREDOR

EM 2018 NÓS MAPEAMOS OS 10,4 MILHÕES DE HECTARES DO CORREDOR DE BIODIVERSIDADE DO ARAGUAIA!

Implementar o Corredor de Biodiversidade do Araguaia não é tarefa fácil. É um projeto massivo de conservação que apenas pode ser executado através da abordagem passo a passo, de planejamento detalhado e de parcerias fortes. A nossa primeira tarefa crucial foi mapear todos os 10,4 milhões de hectares do Corredor (mais de 25 milhões de acres), para identificar os proprietários rurais e determinar o seu uso da terra. Graças à valiosa parceria com o World Resources Institute (Brasil), a tarefa de criar uma plataforma online de mapeamento para o corredor inteiro foi finalizada em 2018! Essa enorme base de dados nos permite criar uma comunidade engajada de proprietários rurais que são fundamentais para o sucesso e escalabilidade do nosso projeto.

PLANEJAMENTO DE BIODIVERSIDADE

OS PRIMEIROS 6.000 HECTARES JÁ FORAM PLANEJADOS E OS TRABALHOS DE RESTAURAÇÃO JÁ COMEÇARAM

Dentro dos ecossistemas do Corredor, existem diversas zonas com suas próprias variedades de árvores nativas, essenciais para restaurar o equilíbrio natural da floresta Amazônica, do Cerrado e da savana tropical que conecta os dois. Dessa forma, nossa segunda tarefa consiste em determinar, por meio de estudos detalhados, a combinação adequada de árvores nativas a ser replantadas por todo o Corredor e, ainda, traçar planos meticulosos para o reflorestamento em si. A BJF também criará um Centro de Conhecimento em Agricultura Ecológica para ajudar os proprietários na transição para o cultivo ecológico sustentável ao mesmo tempo em que aumentam sua produtividade.

REFLORESTAMENTO COM ESPÉCIES NATIVAS

PRIMEIROS DOIS VIVEIROS BJF JÁ ESTÃO EM OPERAÇÃO! PLANTIO DE 1 MILHÃO DE ÁRVORES OU MAIS EM 2019

A terceira e última tarefa é o reflorestamento em si. Todas as informações coletadas serão transformadas em modelos de replantio, os quais serão oferecidos, juntamente com instruções de técnicas de semeio, a proprietários locais de terras. Para um grupo selecionado de proprietários, a Black Jaguar Foundation irá financiar e executar os planos de reflorestamento. 15.000 árvores nativas plantadas em 2018 e no começo de 2019. Mais de 1 milhão de árvores nativas a serem plantadas até o fim de 2019! Nesses casos, os lotes de terra servirão como exemplos positivos para outros proprietários que consideram criar reservas privadas de natureza protegida alinhadas com as regras ambientais brasileiras. Nós executaremos todas essas tarefas complexas em estreita parceria com renomados colaboradores e instituições científicas.

MAPEAMENTO

Implementar o Corredor de Biodiversidade do Araguaia não é tarefa fácil. É um projeto massivo de conservação que apenas pode ser executado através da abordagem passo a passo, de planejamento detalhado e de parcerias fortes. Nossa primeira tarefa crucial é mapear inteiramente os 10,4 milhões de hectares (mais de 25 milhões de acres) do Corredor para identificar os proprietários e determinar o uso da terra. Nós criaremos uma plataforma “user friendly” para armazenar e monitorar todos esses dados. Essa informação é central para começar a criar uma comunidade positiva de proprietários, que são indispensáveis para o sucesso do projeto.

PLANEJAMENTO DE BIODIVERSIDADE

Dentro dos ecossistemas do Corredor, existem diversas zonas com suas próprias variedades de árvores nativas, essenciais para restaurar o equilíbrio natural da floresta Amazônica, do Cerrado e da savana tropical que conecta os dois. Dessa forma, nossa segunda tarefa consiste em determinar, por meio de estudos detalhados, a combinação adequada de árvores nativas a ser replantadas por todo o Corredor e, ainda, traçar planos meticulosos para o reflorestamento em si. A BJF também criará um Centro de Conhecimento em Agricultura Ecológica para ajudar os proprietários na transição para o cultivo ecológico sustentável ao mesmo tempo em que aumentam sua produtividade.

REFLORESTAMENTO

A terceira e última tarefa é o reflorestamento em si. Todas as informações coletadas serão transformadas em modelos de replantio, os quais serão oferecidos, juntamente com instruções de técnicas de semeio, a proprietários locais de terras. Para um grupo selecionado de proprietários, a Black Jaguar Foundation irá financiar e executar os planos de reflorestamento. Nesses casos, os lotes de terra servirão como exemplos positivos para outros proprietários que consideram criar reservas privadas de natureza protegida alinhadas com as regras ambientais brasileiras. Nós executaremos todas essas tarefas complexas em estreita parceria com renomados colaboradores e instituições científicas.

POR QUE PRECISAMOS DE VOCÊ

SOMOS 100% DEPENDENTES DE DOAÇÕES E
CONTRIBUIÇÕES DE PATROCINADORES

Na fase de preparação, em que construímos uma estrutura saudável para a nossa fundação, o nosso time cresceu e passamos a contar com 140 voluntários profissionais de 14 países diferentes. Fomos beneficiados com a doação de talento, bens e serviços de companhias em todos os cinco continentes.

Porém, nós também aprendemos que para plantar uma única árvore é necessário mais do que doações de bens e serviços – isso para não falar em plantar milhões de árvores. Para começar a plantar árvores e conduzir o mapeamento dos 10,4 milhões de hectares do Corredor, nos dependemos integralmente do seu apoio financeiro.

Na fase de preparação, em que construímos uma estrutura saudável para a nossa fundação, o nosso time cresceu e passamos a contar com 140 voluntários profissionais de 14 países diferentes. Fomos beneficiados com a doação de talento, bens e serviços de companhias em todos os cinco continentes.

Porém, nós também aprendemos que para plantar uma única árvore é necessário mais do que doações de bens e serviços – isso para não falar em plantar milhões de árvores. Para começar a plantar árvores e conduzir o mapeamento dos 10,4 milhões de hectares do Corredor, nos dependemos integralmente do seu apoio financeiro.

NOSSOS PARCEIROS TÉCNICOS NO CAMPO
 
 

FAQ

TUDO O QUE VOCÊ QUER SABER
SOBRE NOSSO TRABALHO

FAQ

TUDO O QUE VOCÊ QUER SABER
SOBRE NOSSO TRABALHO

01
COMO O PROJETO DO CORREDOR COMEÇOU?

O projeto do Corredor de Biodiversidade do Araguaia é uma iniciativa nascida no Brasil. Ela foi arquitetada em 2008 pelo Instituto Onça-Pintada, organização brasileira dirigida pelo renomado Dr. Leandro Silveira, referência em conservação da onça pintada. Ele é uma das pessoas mais engajadas do mundo na preservação de onças. Uma das tarefas do Instituto Onça-Pintada é mapear a distribuição de cinco espécies chave na zona do Corredor. A BJF é um contribuidor chave para o projeto do Corredor, executando e financiando diversas tarefas centrais.

02
O QUE É UM CORREDOR DE BIODIVERSIDADE?

Um corredor de biodiversidade é uma faixa de terra reflorestada que (re)conecta áreas de habitat natural previamente fragmentadas. Ele ajuda a conter os efeitos negativos do desmatamento e a recuperar áreas degradadas. As novas áreas reflorestadas se conectam com parques nacionais e reservas naturais, criando um mosaico de reservas de natureza. Além disso, o corredor de biodiversidade beneficia diversos ecossistemas: ao permitir a ampliação da circulação de animais, ocorre, também, o estímulo da troca de material genético e a contenção da perda de biodiversidade.

03
POR QUE O RIO ARAGUAIA?

O Rio Araguaia é um dos rios de grande dimensão mais bem preservados do Brasil. Ele abastece apenas a hidrelétrica Tucuruí e abriga a maior ilha fluvial do mundo: a Ilha Bananal. Essa ilha, cuja área é dividida entre parque nacional e reserva natural, é o único habitat original em uma área amplamente desmatada, e conecta a natureza do norte e do sul. Além disso, o Rio Araguaia é o elo crucial entre dois importantes ecossistemas altamente diversificados: a floresta Amazônica e o Cerrado

01
COMO O PROJETO DO CORREDOR COMEÇOU?

O projeto do Corredor de Biodiversidade do Araguaia é uma iniciativa nascida no Brasil. Ela foi arquitetada em 2008 pelo Instituto Onça-Pintada, organização brasileira dirigida pelo renomado Dr. Leandro Silveira, referência em conservação da onça pintada. Ele é uma das pessoas mais engajadas do mundo na preservação de onças. Uma das tarefas do Instituto Onça-Pintada é mapear a distribuição de cinco espécies chave na zona do Corredor. A BJF é um contribuidor chave para o projeto do Corredor, executando e financiando diversas tarefas centrais.

02
O QUE É UM CORREDOR DE BIODIVERSIDADE?

Um corredor de biodiversidade é uma faixa de terra reflorestada que (re)conecta áreas de habitat natural previamente fragmentadas. Ele ajuda a conter os efeitos negativos do desmatamento e a recuperar áreas degradadas. As novas áreas reflorestadas se conectam com parques nacionais e reservas naturais, criando um mosaico de reservas de natureza. Além disso, o corredor de biodiversidade beneficia diversos ecossistemas: ao permitir a ampliação da circulação de animais, ocorre, também, o estímulo da troca de material genético e a contenção da perda de biodiversidade.

03
POR QUE O RIO ARAGUAIA?

O Rio Araguaia é um dos rios de grande dimensão mais bem preservados do Brasil. Ele abastece apenas a hidrelétrica Tucuruí e abriga a maior ilha fluvial do mundo: a Ilha Bananal. Essa ilha, cuja área é dividida entre parque nacional e reserva natural, é o único habitat original em uma área amplamente desmatada, e conecta a natureza do norte e do sul. Além disso, o Rio Araguaia é o elo crucial entre dois importantes ecossistemas altamente diversificados: a floresta Amazônica e o Cerrado

04
QUAL É A IMPORTÂNCIA DO CERRADO?

Menos conhecido que a floresta Amazônica, o Cerrado é um ecossistema vital e complexo que ocupa 20% do território brasileiro. Dois terços da área do Corredor do Araguaia é coberto por Cerrado. Em termos de biodiversidade, afirma-se que o Cerrado é a savana mais rica do mundo, com mais de dez mil espécies de plantas, grandes rios, fauna endêmica e uma floresta única, tornando esse ecossistema tão precioso quanto a floresta Amazônica.

05
EM QUE CONSISTE O REFLORESTAMENTO?

Reflorestar é um processo de restauração da terra que varia dependendo de fatores como a localização, o clima e as condições do solo. Somente após um estudo detalhado de áreas degradadas é possível determinar as melhores técnicas de plantio e quais as espécies de árvores por área. Com a combinação certa dessas variáveis, tem-se um projeto de reflorestamento bem sucedido: reflorestar é uma verdadeira arte. Uma coisa é certa: quando nós proporcionamos as condições certas, a natureza voltará.

06
QUAIS TIPOS DE ÁRVORES SERÃO REPLANTADAS?

A BJF e seus parceiros plantarão uma variedade de árvores nativas para restaurar as áreas degradadas do Corredor do Araguaia. Na região do Cerrado, aproximadamente 50 espécies de árvore diferentes são necessárias para começar a recriar florestas originais. Em seguida, o crescimento das árvores encoraja o crescimento de novas plantas, a proliferação de sementes por pássaros e a instalação de pequenos animais; levando outras plantas a crescer e ainda mais animais a chegar. Plantar árvores é apenas o primeiro passo para que a natureza ressurja.

04
QUAL É A IMPORTÂNCIA DO CERRADO?

Menos conhecido que a floresta Amazônica, o Cerrado é um ecossistema vital e complexo que ocupa 20% do território brasileiro. Dois terços da área do Corredor do Araguaia é coberto por Cerrado. Em termos de biodiversidade, afirma-se que o Cerrado é a savana mais rica do mundo, com mais de dez mil espécies de plantas, grandes rios, fauna endêmica e uma floresta única, tornando esse ecossistema tão precioso quanto a floresta Amazônica.

05
EM QUE CONSISTE O REFLORESTAMENTO?

Reflorestar é um processo de restauração da terra que varia dependendo de fatores como a localização, o clima e as condições do solo. Somente após um estudo detalhado de áreas degradadas é possível determinar as melhores técnicas de plantio e quais as espécies de árvores por área. Com a combinação certa dessas variáveis, tem-se um projeto de reflorestamento bem sucedido: reflorestar é uma verdadeira arte. Uma coisa é certa: quando nós proporcionamos as condições certas, a natureza voltará.

06
QUAIS TIPOS DE ÁRVORES SERÃO REPLANTADAS?

A BJF e seus parceiros plantarão uma variedade de árvores nativas para restaurar as áreas degradadas do Corredor do Araguaia. Na região do Cerrado, aproximadamente 50 espécies de árvore diferentes são necessárias para começar a recriar florestas originais. Em seguida, o crescimento das árvores encoraja o crescimento de novas plantas, a proliferação de sementes por pássaros e a instalação de pequenos animais; levando outras plantas a crescer e ainda mais animais a chegar. Plantar árvores é apenas o primeiro passo para que a natureza ressurja.

07
POR QUE PROPRIETÁRIOS DE TERRA QUEREM FAZER PARTE DESSE PROJETO?

Os fazendeiros do Brasil estão começando a perceber que o sucesso da agricultura depende das florestas e de sua contribuição para o meio ambiente. Além da legislação ambiental brasileira exigir que os fazendeiros conservem parte de suas terras em seu habitat natural, a mentalidade desses proprietários também está mudando. Eles estão se tornando mais receptivos à ideia de conservação natural, atitude que o projeto do Corredor encoraja e desfruta.

08
A BLACK JAGUAR FOUNDATION ESTÁ FAZENDO ISSO SOZINHA?

A Black Jaguar Foundation está criando uma aliança internacional de atores que lutam para ajudar a implementar o Corredor do Araguaia. Nós já trabalhamos junto a diversos parceiros, incluindo universidades, ONGs, empresas, governos e cientistas, e estamos sempre em busca de novas parcerias. Sabemos que o nosso projeto não será concluído da noite para o dia. Com objetivos bem definidos, uma estratégia clara para alcançá-los e uma abordagem passo a passo, sabemos que juntos somos capazes de conseguir.

09
ONDE EU POSSO ENCONTRAR MAIS INFORMAÇÕES?

A complexidade e magnitude dessa missão não pode ser totalmente explicada nas páginas deste site. Se você tem perguntas específicas ou gostaria de saber mais sobre as bases científicas e técnicas do nosso projeto, não hesite em nos contatar. Envie um e-mail para info@black-jaguar.org e teremos prazer em enviar mais informações. Muito obrigado pelo seu interesse!

07
POR QUE PROPRIETÁRIOS DE TERRA QUEREM FAZER PARTE DESSE PROJETO?

Os fazendeiros do Brasil estão começando a perceber que o sucesso da agricultura depende das florestas e de sua contribuição para o meio ambiente. Além da legislação ambiental brasileira exigir que os fazendeiros conservem parte de suas terras em seu habitat natural, a mentalidade desses proprietários também está mudando. Eles estão se tornando mais receptivos à ideia de conservação natural, atitude que o projeto do Corredor encoraja e desfruta.

08
A BJF ESTÁ FAZENDO ISSO SOZINHA?

A Black Jaguar Foundation está criando uma aliança internacional de atores que lutam para ajudar a implementar o Corredor do Araguaia. Nós já trabalhamos junto a diversos parceiros, incluindo universidades, ONGs, empresas, governos e cientistas, e estamos sempre em busca de novas parcerias. Sabemos que o nosso projeto não será concluído da noite para o dia. Com objetivos bem definidos, uma estratégia clara para alcançá-los e uma abordagem passo a passo, sabemos que juntos somos capazes de conseguir.

09
ONDE EU POSSO ENCONTRAR MAIS INFORMAÇÕES?

A complexidade e magnitude dessa missão não pode ser totalmente explicada nas páginas deste site. Se você tem perguntas específicas ou gostaria de saber mais sobre as bases científicas e técnicas do nosso projeto, não hesite em nos contatar. Envie um e-mail para info@black-jaguar.org e teremos prazer em enviar mais informações. Muito obrigado pelo seu interesse!

Como você pode ajudar a implementar o Corredor do Araguaia

Como você pode ajudar a implementar o Corredor do Araguaia